04 jun

Em caso de separação do casal, como fica a locação do imóvel

Casas a venda em Maringa
Bem em casos de separação do casal, seja separação judicial, divorcio, oiu 

ainda dissolução da união estável, a locação do imóvel residencial passara 

assim automaticamente para o cônjuge ou companheiro que estiver morando 

no local. 

No que prevê a lei incluída em 2009 as imobiliárias de Maringá , 

devem comunicar a sub-rogação por escrito ao locador e ao fiador, no prazo de 

15 dias, se essa for a modalidade de garantia de locação. 

O fiador poderá por sua vez exonera-se das suas responsabilidades n prazo 

mínimo de trinta dias contado do recebimento da comunicação enviada pela 

imobiliaria, ficando assim os responsáveis pelos efeitos de fiança durante o 

prazo maximo de 120 dias isso após receber a notificação do locador. 

Se o caso for nas locações com finalidade não residencial, ficara assim a 

responsabilidade da locação com o sócio, ou com quem será o sucessor no 

negocio, se a locação for residencial mesmo será como visto acima, o cônjuge 

ou companheiro que ficara com as custas do imóvel locado